Para que serve o Código de Ética em uma empresa?

O código de ética da empresa fornece aos funcionários (e geralmente fornecedores e trabalhadores temporários) orientação para situações que envolvam dilema ético e que podem ser subjetivas.

As ações e decisões tomadas pelos funcionários enquanto vestem o uniforme da empresa pode impactar não apenas no lucro, mas também na imagem de toda a corporação.

Por isso, para evitar que funcionários se sintam perdidos ou façam escolhas ruins em relação a uma decisão éticas, a empresa se antecipa, demonstrando como agir nestes casos.

O que deve constar no código de ética de uma empresa

O código de ética pode ser descrito como “um guia de princípios concebido para ajudar os profissionais a conduzir os negócios com honestidade e integridade”. Normalmente, um código de ética contém:

  • Missão e os valores da empresa ou organização,
  • Abordagem que os profissionais devem adotar quando encontram um problema,
  • Valores centrais da organização e os princípios éticos em que se baseiam,

Para que o código de ética da empresa funcione é necessário que as pessoas estejam cientes da sua existência e tenham clareza de como proceder quando estas situações ocorrem.

Tenha canais de contato definidos em seu código de ética

Os funcionários podem fornecer informações valiosas sobre lapsos de ética, seja percebendo uma mudança no comportamento de um colega de trabalho que passa despercebida pelo gerente.

Ou ainda, questionando um padrão de comportamento dentro da empresa que ninguém antes considerava antiético. No entanto, para que os funcionários alertem sobre lapsos de ética, eles precisam saber como e onde fazê-lo.

Por isso é interessante que o código de ética traga as maneiras pelas quais é possível relatar uma preocupação ou incidente e o passo a passo de como proceder. Estes canais podem ser diversos:

  • Conversando com o gerente ou superior
  • Formulário on-line específico
  • Implementando uma linha direta de denúncia para seus departamentos de RH, ética, conformidade ou fraude

Tenha um guia para tomadas de decisão

Alguns funcionários podem precisar de mais orientação quando se deparam com uma decisão ética no local de trabalho. Além de suas regras e diretrizes, inclua uma seção sobre tomada de decisões sob o código de ética.

Liste as perguntas que os funcionários devem se fazer quando se deparam com uma decisão difícil para fazer a escolha certa. Por exemplo:

  • O comportamento está em conformidade com as leis e regulamentos vigentes?
  • Adere ao código de ética e outras políticas internas?
  • Reflete os valores fundamentais da empresa ou os padrões éticos?
  • Respeita os direitos e sentimentos dos outros?

Além disso, incentive os funcionários a pedir conselhos a seus gerentes ou a um membro da equipe de RH se não tiverem certeza do que fazer em alguma situação.

Por fim, uma das coisas mais importantes para incluir em no de ética e que muitas empresas esquecem é a relação entre ética e compliance. Deixar isso claro e reforçar sempre é algo essencial.

É recomendado enfatizar que seguir as diretrizes legais e regulatórias tem prioridade máxima, mesmo que um comportamento pareça eticamente aceitável de acordo com o código de ética da empresa.

Da mesma forma, um comportamento que esteja de acordo com as leis, mas pareça contradizer o código de ética da empresa, também deve ser questionado.

É essencial que a importância de relatar falhas de compliance esteja clara e que todos estejam cientes de que ignorar isso e agir em desacordo com o que foi estabelecido pode levar a multas e danos à reputação da empresa.

O código de ética é essencial para que a empresa esteja alinhada e todos os funcionários reflitam a conduta e a missão da empresa, assegurando a transparência nas ações!

0 ações

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *